Terça-feira, 25 de Julho, 2017
   
Tamanho do texto
Autenticar
image
Concelho de Palmela
Concelho de Palmela Quinta-feira, 16 Abril 2015 20:28 Instituído em Março de 1185, por Foral outorgado por D. Afonso Henriques, o concelho de Palmela tem cerca de 460 Km2, distribuídos por cinco freguesias: Palmela, Pinhal Novo, Quinta do Anjo, Marateca e Poceirão. A riqueza do seu património natural, histórico e cultural oferece uma diversidade de locais e atividades aprazíveis quer a quem nele vive quer ao visitante ocasional: um passeio pela Serra do Louro e Vale dos Barris, em pleno contacto com a natureza da Serra da Arrábida; uma visita às Igrejas de S. Pedro, Misericórdia e Santiago, esta última localizada no interior do Castelo de Palmela; ou, então, um fim de tarde e noite animados durante a Festa das Vindimas, que decorre no primeiro fim de semana de setembro. A proliferação, por todo o concelho, de sociedades filarmónicas e recreativas expressa uma forte tradição ligada à música e traduz-se no grande número de alunos do Agrupamento que as frequentam, assim como os conservatórios e escolas de música do concelho e da cidade de Setúbal.

Concurso de Flyer 2016/2017

Para aceder a todas as informações sobre o concurso flyer «A hora do Sol Saudável», por favor clique na imagem.

aa-sol

 

 

Inauguração de escultura oferecida por um pai do 6º E

a escultura

 

 

Carregamento de cartões/passes

Informa-se que o carregamento dos cartões/passes, referente ao mês de JUNHO,Ârealiza-se na escola, de 25 de MAIO a 8 de JUNHO.

A Direção

 

   

Resultados da 4ª edição do concurso Rosa-dos-ventos

a rosa 4

Esta atividade, que se desenvolveu ao longo do 1º eÂ2º período, teve, como objetivos,Âo estímulo do gosto pela disciplina de Geografia;Âo conhecimento dos rumos da rosa-dos-ventos;Âa promoção da criatividade e do espírito de equipa dos alunos e oÂfavorecimento da interdisciplinaridade.

Apelou-se à criatividade e originalidade dos alunos para elaborarem, dentro de certos parâmetros, rosas-dos-ventos com, pelo menos, os pontos cardeais e os pontos colaterais.

De 20 de março a 4 de abril, decorreu a votação dos trabalhos a concurso, por parte dos alunos, pais/encarregados de educação e pessoal não docente. Os resultados foram os seguintes:

1º lugar - Catarina Padilha e Margarida Cruz 7ºC (rosa dos ventos nº 10)

2º lugar - Leo Sanches 7º B (rosa dos ventos nº 6)

3º lugar - Alice Milheiro 7ºB (rosa dos ventos nº 25)

No dia 28 de abril o júri, composto por cinco professoras das discipinas de Geografia, Educação Visual e Educação Tecnológica, avaliou os trabalhos a concurso.

O júri atribuiu as seguintes classificações:

1º lugar- Leo Sanches 7º B (rosa dos ventos nº 6)

2º lugar – Afonso Matos e Tomás Matos 7ºA (rosa dos ventos nº 7)

3º lugar - Catarina Padilha e Margarida Cruz 7ºC (rosa dos ventos nº 10)

A todos os participantes, os nossos parabéns. A entrega dos prémios e dos diplomas aos vencedores, assim como dos certificados de participação aos segundos e terceiros lugares será feita nas comemorações do dia do Agrupamento ou pelo respetivo Diretor de Turma, até ao final do ano letivo.

 As docentes do grupo disciplinar de Geografia

 

   

Comemoração do Dia de Europa

Trabalhos dos alunos de Geografia, comemorativos do Dia da Europa - 9 de maio -, cuja exposição estará patente na BE/CRE entre os dias 8 e 12 deste mês.

dia-europa1

 

dia-europa2

 

   

Projeto Nacional SOS Azulejo

Participação da escola no Projeto Nacional SOS Azulejo

 

No âmbito do Projeto Educativo do Agrupamento, que tem, como uma das suas prioridades, o Património local, e do projeto daÂBiblioteca EscolarÂLer+Ad@ça a VidaÂ-Âprojeto concelhio das bibliotecas escolares e municipal, cujo tema é, este ano, alusivo ao Castelo -, o grupo de Educação Visual (EV)Âe a Biblioteca Escolar (BE) uniram esforços para que a escola participasse no Projeto Nacional SOS Azulejo.

Assim, juntaram-se estes dois projetos ao Dia das ArtesÂ- dia em que o grupo de EV e a BE desenvolvem várias atividades na área da expressão visual - e o resultado foi um grande painel inspirado no azulejo português e nos azulejos de castelo de Palmela, com o tema do 25 de abril, o que lhe atribuiu um toque de contemporaneidade.

O projeto, que passou pelas fases de a) realização de material didático para sensibilização e motivação das turmas; b) visita de turmas ao Castelo de Palmela, para recolha de informação e estudo dos azulejos das Igrejas; c) conceção do estudo de um azulejo por aluno, com o tema do 25 de abril e d) realização do painel coletivo, no dia 21 de abril - Dia das Artes -, irá culminar numa apresentação pública, a acontecer no dia 3 de maio, com o envolvimento de toda a comunidade escolar, unida no objetivo comum de contribuir para a preservação do azulejo português.

artes1

artes2

artes3

Os docentes do Grupo Disciplinar de Educação Visual

 

   

Pág. 4 de 11

Área reservada